PT EN

Maria Trabulo

2013

O vento sopra

 “Empty. In appearance - really empty, silent, indifferent. Stunned, almost. In effect - full of tensions, with thousand subdued voices, heavy with expectations.”

Wassily Kandinsky, Empty Canvas, 1935

Um barco à vela flutua no meio do quarto. À distância parece branco, de perto deixa perceber um desenho gravado da Ordem da Cruz de Cristo, usado para conceder "boa sorte", nas velas dos barcos Portugueses durante os descobrimentos.

A Cruz é desenhada com texto gravado pela máquina de escrever. É uma repetição da definição de emigração, de acordo com o diccionário corrente de Português - "abandono voluntário do local onde se se vive, para se estabelecer noutro." - e da sua alteração: "abandono involuntário do local onde se se vive, para se estabelecer noutro"

Actualmente Portugal vê a sua maior onda de jovens qualificados deixar o país, devido à falta de condições de trabalho. Os políticos tentaram explicar esta situação como sendo algo positivo, comparando o fenómeno com os descobrimentos Portugueses, e como a disperção de população ajudava a enriquecer o país. Irónicamente, durante os descobrimentos, os homens escolhidos para marinheiros eram os pobres e os iletrados.

Bio

Nasceu no Porto, Portugal, em 1989. Licenciada em Artes Plásticas – Pintura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, frequentou a Iceland Academy of the Arts, enquanto bolseira do programa Erasmus Mundus.
O seu trabalho pessoal atravessa vários meios artísticos (desenho, vídeo, fotografia, vídeo, pintura, performance, instalação), conforme seja aquilo em que pense dar existência. Actualmente vive e trabalha no Porto onde, para além de participar em exposições e outros eventos, participa activamente na criação artística com outros artistas e colectivos aí sediados.
Expõe com regularidade desde 2009, tendo participado em exposições colectivas e individuais em solo nacional e internacional. Em 2012 foi artista residente no espaço Super Tokonoma em Kassel (DE), e no espaço Maus Hábitos no Porto.
É membro do grupo Sintoma, fundado por Rita Castro Neves. Tem formações em diversas áreas nomeadamente Performance Art, com Pia Euro (2012) e Manoel Barbosa (2011); gravura, com Choichi Nichikawa (2011) e Juan Carlos Guadix (2009); vidro soprado e modelado (2009 – 2013) no Crisform e no Cencal.