PT EN

Mário Pereira

2013

S/Título

Espaços contentores, contidos num espaço em si mesmo completo de memória e ruína. As memórias são algo que queremos sempre preservar, queremos sempre registar, cravado na história, uma memória longínqua, como se fosse nossa, mas que não é. Espreitamos, por entre os rasgos, por entre o tempo.

Bio

Nasceu em 1981, Vila Nova de Famalicão.Licenciado em Artes Plásticas – Escultura, pela Faculdade de Belas Artes da UP (2001). Vive e trabalha no Porto.O seu trabalho incide sobre a representação de memórias, do particular ao colectivo, através da utilização de elementos gráficos, como a escrita, interligados com elementos arquitectónicos.

Exposições:
- Encontrarte Amares, 28 a 31 de Julho 2011
- “Evidências”, Servartes, Porto, 4 de Maio a 30 de Junho 2007;
- “Alternativa: Arte”, Galeria Geraldes da Silva, Porto, 8 de Julho a 8 de Agosto 2006;
- Happening “Ao meínho com João Fernandes”, no Museu de Arte Contemporânea de Serralves, Porto, 18 de Junho 2006;
- “Acabamentos Vitória”, antiga Fábrica Acabamentos Vitória, Porto, 14 a 16 de Junho 2006;
- Colectiva “Outras Mãos”, em S. Martinho do Campo. (St. Tirso), Julho 2004

Publicação: Revista “Big Ode – poesia e imagem” Nº4 URBE, Março 2008 a Junho 2008, pag.62 a 66